Novos Estudos – Adalimumab: segurança a longo prazo em pacientes

1
629

Adalimumab: segurança a longo prazo em 23,458 pacientes

Este artigo foi publicado nos Annals of the Rheumatic Diseases e foi uma análise de 23,458 pacientes expostos ao adalimumab em 71 ensaios clínicos globais com espondilite anquilosante, artrite reumatoide, artrite idiopática juvenil, artrite psoriática, psoríase e doença de Crohn.  Foram calculados utilizando eventos relatados após a primeira dose através de 70 dias após a última dose. As taxas de incidência padronizadas para doenças malignas foram calculadas utilizando um banco de dados do National Cancer Institute. As taxas de mortalidade padronizadas foram calculados utilizando dados da OMS.

Os eventos adversos graves mais frequentemente relatados em todos os tipos de doenças foram infecções. As taxas globais de malignidade foram os esperados para a população em geral; a incidência de linfoma foi aumentada em pacientes com AR, mas dentro da gama esperada na AR sem terapia anti-TNF; incidência de câncer de pele  não-melanoma foi elevada na AR, artrite psoriática e doença de Crohn. Em todos os tipos de doenças, as taxas de mortalidade foram menores do que, ou equivalente a, aqueles esperados na população geral.

 

1 Comentário

Sejam bem vindos!