Código de ética quer melhorar relação entre médico e paciente

Código de ética quer melhorar relação entre médico e paciente – O novo Código de ética quer melhorar relação entre médico e paciente, o código de ética médica funciona como uma constituição para os médicos.

Código de ética quer melhorar relação entre médico e paciente

O documento atualiza regras e princípios que o profissional deve obedecer no exercício da profissão. O objetivo das atualizações é melhorar a relação entre o médico e o paciente, uma relação que tem ficado cada vez mais abalada por causa das precárias condições em que funciona a saúde pública no país.
alt="Código de ética quer melhorar relação entre médico e paciente"
A partir de hoje, entra em vigor o novo código de ética médica. Ele não vai solucionar a falta de estrutura nos hospitais. Mas deve ajudar a unir as atenções em um único foco. Uma das principais intenções nas alterações no código de ética é melhorar a relação entre médico e paciente. O novo código aborda assuntos complexos como a decisão no caso de um paciente em estado terminal e outros mais simples. O médico deve escrever a receita de forma legível. O que deve melhorar e muito a vida do paciente na hora de comprar um medicamento.
A orientação de escrever de forma legível já estava no código anterior, de 1988. São tantos os problemas por causa do garrancho médico, que foi preciso reforçar agora. Mas a comunicação entre paciente e médico, vai além da receita.

A relação médico-paciente pode ser algo mais complexo do que parece. Se, por um lado, é necessário encantar o paciente para que ele retorne ao seu consultório nas próximas vezes que precisar, por outro é necessário ser transparente e fazer recomendações que, muitas vezes, desagradam o paciente e o fazem procurar um outro profissional de medicina.

Portanto, a honestidade e a ética precisam ser pautadas em regras específicas, regulamentadas pelos conselhos de classe e nas leis vigentes em cada país.

No Brasil, o Conselho Federal de Medicina e os conselhos Regionais de Medicina são os responsáveis pelo direcionamento dessas regras.

Fonte: CREMEB

Comentários

Comentários

Sejam bem vindos!